Exclusivo

Camisolas poveiras: Governo está a negociar com estilista americana

Camisolas poveiras: Governo está a negociar com estilista americana

Ministério da Cultura procura acordo extrajudicial com a norte-americana Tory Burch. Verbas serão usadas para apoiar a camisola poveira. Primeira formação da arte já acabou.

A Câmara da Póvoa de Varzim já tinha dito que "desculpas não chegam". Exigia "uma compensação justa pelos danos" causados pela estilista norte-americana Tory Burch. Com a "cópia" da camisola poveira a ser notícia em todo o Mundo, o Ministério da Cultura ofereceu-se para encabeçar uma ação judicial. Agora, a tutela diz estar a negociar um acordo. A indemnização será canalizada para a preservação e divulgação da velhinha camisola do pescador com mais de 150 anos de história.

A verdade é que, independentemente do que venha a acontecer, sete meses depois, o caso Tory Burch já deu frutos: uniu os poveiros na defesa da sua história e das suas tradições, fez disparar as vendas, gerou filas na inscrição para a formação. Já há um Centro Interpretativo e de Formação da Camisola Poveira, mais mãos a saber fazê-la, novas artesãs e uma internacionalização a dar os primeiros passos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG