Exclusivo

Póvoa de Varzim enche-se de gente que vai a banhos

Póvoa de Varzim enche-se de gente que vai a banhos

Póvoa de Varzim enche-se de gente que vai a banhos. Poveiros com forte esperança num bom verão.

"Mais gente, muito mais!", diz Alice Santos, sem hesitar. O ano passado foi "para esquecer" para quem vive do verão na Póvoa de Varzim. Mas 2021, a avaliar pelo primeiro fim de semana da época balnear, "promete!". A cidade encheu-se, o arrendamento de quartos e de casas dá sinais de retoma - embora "tímidos" -, começam a voltar os de Guimarães, Braga, Fafe, Vizela e Felgueiras, já se veem estrangeiros. "É a normalidade a regressar", continua, sorrindo, a dona do Alice"s uma das concessões da praia Redonda, em pleno centro da cidade.

O bisavô, o tio António Capelão, era banheiro. Hoje, Alice segue-lhe as pisadas, num negócio que toca com a filha. É certo que "os tempos são outros" e o aluguer de barracas "já viu melhores dias", mas 2020 foi "mesmo terrível": os emigrantes não vieram, os do interior tiveram medo da covid-19, estrangeiros nem vê-los. Este ano, para já, há esperança.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG