O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Andreia com a vida em suspenso após atropelamento. Seguro do condutor era inválido

Andreia com a vida em suspenso após atropelamento. Seguro do condutor era inválido

Andreia Caldas, 24 anos, foi colhida na ponte da Palmilheira, em Ermesinde, e sofreu uma queda de uma altura de nove metros. Família foi informada de que seguro do condutor é "inválido".

Andreia Caldas não guarda memórias do momento em que foi atropelada, mas as mazelas persistem três meses após o acidente. Foi colhida na ponte da Palmilheira, em Ermesinde, Valongo, e sofreu uma queda de nove metros para a linha do comboio, sofrendo ferimentos graves. Só agora ficou a saber que o seguro do condutor que a atropelou não é válido.

Todos os dias, Andreia faz fisioterapia no Hospital de S. João, no Porto, para ganhar "massa muscular" e poder ser operada ao menisco e a uma rotura de ligamentos no joelho. Do acidente resta ainda uma hemorragia cerebral que lhe compromete o equilíbrio e a obriga a estar sempre acompanhada. É a mãe, que meteu baixa, quem lhe auxilia os passos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG