"Switch UP"

Grupo de alunos de Ermesinde ganha viagem a Sillicon Valley

Grupo de alunos de Ermesinde ganha viagem a Sillicon Valley

O Clube Robotese, da Escola Básica e Secundária de Ermesinde, ganhou o prémio "Switch UP", programa educativo cujos galardões foram entregues nesta sexta-feira.

Os estudantes ganharam uma viagem de sete dias a Sillicon Valley, na Califórnia (Estados Unidos), o "paraíso" das empresas de alta tecnologia.

O projeto dos estudantes de Ermesinde consistiu na "construção e instalação de um protótipo funcional que corta a corrente elétrica nas salas de informática fora das horas de funcionamento e interrupções letivas, de forma autónoma, evitando desperdícios de energia".

Os autores do projeto explicam que o dispositivo não carece de grande manutenção, a não ser a substituição de peças eventualmente degradadas, sendo necessário apenas atualizar o calendário escolar interno, que pode ser colocado no cartão SD do sistema.

Tal como o prémio "Switch UP", também os prémios "Missão PowerUP" e "Missão UP/Unidos pelo Planeta" foram entregues nesta sexta-feira. No total, estes três programas educativos lançados pela Galp envolveram milhares de alunos, entre os seis e os 18 anos, de vários graus de ensino. Os estudantes foram desafiados a "desenvolver atividades e projetos com o objetivo de incentivar a mudança de comportamentos para um consumo mais eficiente de energia, nas escolas e em casa".

Entre as várias categorias deste galardão, destaque para a "atividade mais inovadora", conquistada pelo Clube Solicair, do Instituto de Educação Técnica (Lisboa). Os estudantes construíram um "protótipo de carro elétrico com sistema híbrido de carregamento a energia solar e eólica".

Na "Missão UP/Unidos pelo Planeta", ganhou a Escola Básica n.º 2 da Vialonga (Vila Franca de Xira), que desenvolveu várias atividades ligadas à temática, incluindo a construção de presépios e decorações natalícias com materiais recicláveis. O Externato Lar da Criança (Lisboa) e a Escola Básica de Santo António (Covilhã) completaram o pódio.

Na "Missão PowerUP" levou a melhor a Escola Básica de Rio Arade (Lagoa), que, entre outras iniciativas, construiu fornos a energia solar e criou máscaras de Carnaval inspiradas em profissões ligadas à energia. A Escola Básica 2,3 Paula Nogueira (Olhão) e a Escola Evaristo Nogueira (Seia) ficaram nos 2.º e 3.º lugares, respetivamente.

ver mais vídeos