Exclusivo

Oito horas de trabalho por dia para recuperar do AVC

Oito horas de trabalho por dia para recuperar do AVC

Tratamento não farmacológico foi criado há um mês pelo Hospital de S. João e funciona na unidade de Valongo. Atividades estimulam funções cognitivas.

Na unidade de neuropsicologia do Serviço de Psicologia do Centro Hospitalar Universitário São João (CHUSJ), o doente vítima de AVC aprende quase tudo de novo. Fazem-se exercícios físicos e atividades e estimulam-se as funções cognitivas. A reabilitação cognitiva é uma valência criada há um mês e funciona em Valongo.

Hoje comemora-se o Dia Nacional do Doente com AVC. Há três semanas, José Miranda, de 56 anos, estava longe de imaginar que hoje seria um dos 14 internados na reabilitação cognitiva, pertencente ao Serviço de Psicologia do CHUSJ, através da unidade de neuropsicologia e em parceria com o Serviço de Medicina Física e de Reabilitação. Estava a pintar a casa quando caiu inanimado no chão. Foi a mulher quem o encontrou e chamou o INEM.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG