Saúde

Gaia abre novo centro de vacinação em Grijó

Câmara contratou 54 enfermeiros e abriu centro de vacinação

Foto Rui Oliveira / Global Imagens

A Câmara de Gaia relocalizou trabalhadores e contratou 54 enfermeiros para abrir novo centro de vacinação no Outlet de Grijó, esta segunda-feira.

A relocalização de trabalhadores da Câmara de Gaia para gerir marcações de vacinas e tratar dados de utentes, aliada à contratação de 54 enfermeiros pela Autarquia permitiu abrir o segundo centro de vacinação contra a covid-19 no concelho.

O Outlet de Grijó, onde estão instalados 12 postos de vacinação, abriu esta segunda-feira e tem uma capacidade semelhante ao do centro instalado no Pavilhão das Pedras (cerca de 1500 vacinas por dia).

Foi também atribuído um médico pela Administração Regional de Saúde (ARS) para o novo espaço.

"Não havia disponibilidade de vacinas para conseguir alargar este processo", explicou o presidente da Câmara, Eduardo Vítor Rodrigues, reconhecendo o percurso longo que muitos residentes da zona sul do concelho tiveram de fazer um trajeto longo ao centro de vacinação do Pavilhão das Pedras.

"Chegaram mais vacinas e passou a ser possível não apenas um pequeno posto no Centro Social de Olival [já aberto, com quatro postos de vacinação], mas também abrir um outro no Outlet de Grijó com mais capacidade", esclareceu ontem o autarca em reunião de Executivo. O objetivo, explica Eduardo Vítor Rodrigues, é "garantir uma rápida aceleração de todo este processo".

Ação social aceite A Autarquia aprovou a transferência de competências em matéria de ação social, permitindo o arranque de um "processo negocial onde se objetivarão as condições" desta descentralização, clarifica o autarca.

Os vereadores do PSD, Duarte Besteiro e José Cancela Moura, abstiveram-se da votação, uma vez que "não se conhece o envelope financeiro".