Obras

Gaia analisa protocolo com o Porto para construção de ponte na segunda-feira

Gaia analisa protocolo com o Porto para construção de ponte na segunda-feira

A Câmara de Vila Nova de Gaia analisa, na segunda-feira, o protocolo a assinar com a autarquia do Porto no âmbito da construção da nova ponte sobre o Douro.

Em declarações à agência Lusa, o autarca de Gaia, distrito do Porto, afirmou que o processo está em "velocidade de cruzeiro", prevendo-se que "entre outubro e novembro esteja pronto o procedimento para lançar concurso para o projeto".

Eduardo Vítor Rodrigues explicou que existiam duas hipóteses para dar continuidade à decisão de Vila Nova de Gaia e Porto de lançarem uma nova ponte sobre o rio Douro: "Ou cada Município trabalhava por si só e lançava os seus concursos ou constituíamos o que se chama um Agrupamento de Entidades Adjudicantes", descreveu.

Na segunda-feira, em reunião de câmara privada, será analisado o protocolo que resulta da decisão de escolher a segunda hipótese de procedimento.

Assim, na prática as duas câmaras vão constituir um grupo de trabalho conjunto e fazer uma espécie de 'holding' para "gerir conjuntamente todo o processo".

O autarca de Gaia acredita que com esta solução "o trabalho se fará de forma integrada e mais ágil".

As Câmaras do Porto e de Vila Nova de Gaia anunciaram a 12 de abril a construção de uma nova ponte sobre o rio Douro, um projeto inteiramente financiado pelas duas autarquias.

Em causa uma ponte batizada como D. António Francisco dos Santos, em homenagem ao bispo que morreu em setembro do ano passado.

A travessia vai unir os dois concelhos entre Oliveira do Douro, em Gaia, e a zona de Campanhã, no Porto.

A nova ponte tem um custo estimado de 12 milhões de euros e prevê-se que esteja concluída no prazo de três a quatro anos.