Exclusivo

Reportagem em Gaia: testar alunos "é mais uma segurança"

Reportagem em Gaia: testar alunos "é mais uma segurança"

Parceria entre diretores e farmácias para rastrear estudantes em todo o país já arrancou. Escola de Gaia detetou 13 positivos.

Miguel Azevedo não hesitou quando, na escola, lhe perguntaram se queria ser testado à covid-19. Os pais também não. Até porque, considera o estudante de 14 anos, "todo o cuidado é pouco" e o teste "é mais uma segurança". Esta quinta-feira, após uma aula de Matemática, foi um dos cerca de 330 alunos do terceiro ciclo da Escola Básica Dr. Costa Matos, em Gaia, a ser testado na escola. No total, foram detetados 13 alunos positivos. Os casos foram comunicados às autoridades de saúde e os estudantes foram encaminhados para casa.

A testagem foi feita no auditório da escola por quatro farmacêuticos de duas farmácias do concelho, uma das Devesas e outra de Arcozelo, no âmbito de um protocolo firmado entre as associações de diretores e a Associação Nacional de Farmácias. O objetivo é fazer uso dos quatro testes mensais comparticipados pelo Estado a cada cidadão para rastrear os alunos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG