Fogo

Dois cangurus resgatados do incêndio de Palmela

Dois cangurus resgatados do incêndio de Palmela

Dois cangurus e outros animais de grande porte, que sofreram queimaduras no corpo, foram resgatados na madrugada desta quinta-feira do incêndio em Palmela, distrito de Setúbal, pelo grupo Intervenção e Resgate Animal (IRA). Todos os animais receberam cuidados veterinários. O incêndio de Palmela já se encontra dominado.

Cerca das 3 horas desta quinta-feira, foi resgatado um canguru que se encontrava ferido com queimaduras nas patas, devido ao incêndio que decorria em Palmela. O animal teve de ser transportado para o Posto de comando, onde estava o Núcleo de Proteção Ambiental.

No Faceboook, o grupo afirma que "no Posto de Comando, o capitão da GNR solicitou a presença do Núcleo de Proteção Ambiental para nos acompanhar ao local do resgate, onde foi possível localizar a proveniência do marsupial e foi resgatado e apreendido um segundo canguru, com o auxílio dos militares da GNR e bombeiros".

PUB

Desde que o incêndio começou em Palmela, por volta das 12 horas de quarta-feira, a equipa de Intervenção e Resgate Animal já retirou das chamas seis burros e póneis, alguns deles a precisarem de auxílio veterinário.

Estes animais foram encaminhados para o posto veterinário de emergência montado no local, até ser encontrado sítio para os alojar.

O incêndio que deflagrou pouco depois das 12:00 de quarta-feira em Palmela já se encontra dominado, tendo destruído cerca de 400 hectares de mato e provocado 12 feridos, dos quais nove bombeiros, dois civis e um militar da GNR.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG