Em atualização

Chefe dos bombeiros sapadores de Setúbal desaparecido há seis dias

Chefe dos bombeiros sapadores de Setúbal desaparecido há seis dias

Manuel Arrábida, chefe dos bombeiros sapadores de Setúbal, está desaparecido desde o passado dia 16.

A corporação setubalense, através de publicação nas redes sociais, informou que estão a ser realizadas buscas no Cabo Espichel, em Sesimbra.

Ao que o JN apurou, o alerta para o desaparecimento foi dado na passada quarta-feira pela corporação à GNR. Mais tarde, foi o irmão de Manuel quem denunciou formalmente o desaparecimento à GNR de Setúbal.

PUB

Na quinta-feira, foi decidido realizar buscas no Cabo Espichel, em Sesimbra. Suspeitava-se que o bombeiro, que é pescador lúdico, tivesse estado neste local a pescar.

A proteção civil e a GNR empenharam meios nas buscas no Cabo Espichel e foram os drones da proteção civil que encontraram a viatura de Manuel Arrábida num local ermo e de difícil acesso junto a uma falésia do Cabo Espichel, durante a tarde de quinta-feira.

No final da semana passada, as buscas foram reforçadas no local, mas sem sucesso. Por terra, bombeiros, GNR com patrulhas apeadas e meios binómios, os cães da Guarda, e drones fizeram buscas exaustivas. Por mar, a Polícia Marítima de Setúbal empenhou vários meios para tentar detetar qualquer sinal do homem desaparecido. Nada foi encontrado e a viatura que tinha alguns bens de Manuel foi entregue aos familiares. Não foi alvo de perícias por não existir indícios de crime.

Os factos foram comunicados ao Ministério Público e desde o fim de semana que permanecem meios da GNR e Polícia Marítima, em patrulhas, a tentar localizar Manuel Arrábida, mas até esta terça-feira, não há sinal do bombeiro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG