Operação

Abastecimento de combustível a navio provoca derrame no Porto de Sines

Abastecimento de combustível a navio provoca derrame no Porto de Sines

Um derrame de combustível ocorreu na noite de quinta-feira, pelas 23.45 horas, no Porto de Sines. A Administração dos Portos de Sines e Algarve (APSA) informou a autarquia de que se tratou de "um pequeno derrame de hidrocarbonetos" durante uma operação de fornecimento de combustível ao navio MSC Sandra no Terminal XXI.

O derrame foi contido no local pelos meios da APSA. De acordo com a empresa, "de imediato foram ativados todos os meios de contingência do Porto de Sines, incluindo a colocação de barreiras, com vista à contenção e recolha do combustível derramado, minimizando o impacto do incidente na atividade portuária".

A Polícia Marítima de Sines está a patrulhar a zona este do Porto de Sines até à zona das praias, não tendo recolhido informação, até ao momento, da presença de manchas de fuel óleo nestas zonas. Tão pouco chegou informação de que a mancha tenha chegado ao viveiro de robalos, explorado pela Seaculture, que se encontra ao largo de Sines.

O Ministério Público abriu inquérito e vai agora investigar as causas que motivaram o derrame.