Cheias

Habitantes de Frades estão de regresso a casa

Habitantes de Frades estão de regresso a casa

Os habitantes do Lugar de Frades em Portela, Arcos de Valdevez, regressaram esta tarde a suas casas, após terem passado três noites afastados da aldeia devido ao risco de ocorrer um deslizamento de terras.

Numa visita ao terreno, esta manhã, que contou com a participação de especialistas da Universidade do Minho, a Comissão Municipal da Proteção Civil de Arcos de Valdevez constatou que "estão reunidas as condições" para que os moradores voltem a habitar em segurança.

Vinte e sete pessoas, uma delas acamada, foram retiradas das suas habitações na passada sexta-feira à tarde, face à ameaça de uma enxurrada semelhante à que, em 7 de dezembro de 2000, matou quatro pessoas da aldeia.

Em causa, estavam os níveis elevados de acumulação de água no solo de uma encosta, junto a Frades. "Em atenção ao acumulado, que baixou substancialmente, para cerca de metade, e às condições meteorológicas, que não são para agravar nos próximos dias, a Comissão Municipal de Proteção Civil, com o apoio dos especialistas e do CODIS, considerou-se que as pessoas podiam voltar a casa", declarou o Presidente da Câmara de Arcos de Valdevez, João Esteves, acrescentando: "Vamos continuar a monitorizar a situação e encontrar soluções que permitam minimizar o problema".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG