Segundo caso no mesmo dia

Mulher desaparecida desde domingo encontrada morta em Arcos de Valdevez

Mulher desaparecida desde domingo encontrada morta em Arcos de Valdevez

Uma mulher de 70 anos foi encontrada morta com queimaduras no corpo, esta terça-feira à noite, em Grade, Arcos de Valdevez.

Segundo informações do Comandante dos Bombeiros locais, Filipe Guimarães, a vítima, que vivia sozinha, estaria desaparecida há dois dias, após ter saído de casa para fazer a limpeza de uns terrenos.

"Recebemos hoje um pedido de ajuda da GNR para fazer buscas para encontrar uma mulher com cerca de 70 anos que desapareceu domingo e pouco depois fomos informados de que já não era necessário, porque tinha sido encontrada já cadáver", declarou aquele responsável, referindo que o corpo da septuagenária apresenta queimaduras, que poderão ter resultado da queima de vegetação.

O caso ocorreu lugar de Vilela de Grade, na freguesia de Grade. Às 23.07 horas foram ativados meios, uma ambulância com dois operacionais, para remoção de cadáver para o Instituto de Medicina Legal de Viana do Castelo.

Também esta terça-feira de manhã, uma mulher com 85 anos morreu na sequência de um incêndio agrícola, em Padroso, Arcos de Valdevez. Segundo informação do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viana do Castelo, a vítima foi encontrada caída, "com a roupa chamuscada, numa zona já ardida" no lugar de Paredes, onde uma queima terá dado origem a incêndio. O alerta foi dado cerca das 12.16 horas.