Caminha

Nadadores salvam pai e dois filhos no mar em Vila Praia de Âncora

Nadadores salvam pai e dois filhos no mar em Vila Praia de Âncora

Um homem de 45 anos e os dois filhos, de 10 e 12 anos, foram salvos por dois nadadores-salvadores no mar de Vila Praia de Âncora, no domingo à tarde.

O salvamento aconteceu cerca das 16 horas numa zona de praia não concessionada e, por isso sem vigilância fixa, conhecida por Caldeirões. Segundo contou ao "Jornal de Notícias" Pedro Verne, paramédico e coordenador de equipas de salvamento nas praias da associação Coordenada Décimal, que se deslocou ao local na companhia de um resgatador, o resgate foi feito pelos nadadores Pedro Maruga e Gonçalo Oliveira, que patrulham o areal em moto 4, entre a foz do rio Âncora e a Gelfa.

Contou que estes se aperceberam de um banhista a entrar aflito na água, acorrendo de imediato ao local e acabando por salvar três vidas. "Quando lá chegámos, os colegas já os tinham tirado. Segundo disse o pai, foi mesmo salvamento, porque já tinha passado o ponto de não retorno. Foram apanhados num agueiro e foi graças aos colegas que deram uma resposta rapidíssima e os conseguiram salvar", descreveu Pedro Verne, acrescentando que o resgate contou com a ajuda de "um surfista que se encontrava na zona".

Pai e filhos receberam assistência no local e acabaram por se deslocar pelos próprios meios ao hospital de Viana do Castelo.

Segundo a versão do pai, contada por Pedro Verne, "as crianças estavam na água e começaram a ser arrastadas", tendo o homem entrado também no mar, ficando "os três aflitos". O paramédico destaca ainda a rápida intervenção dos colegas: "Entregaram o telemóvel a um conhecido na praia e deram indicações para pedir ajuda, e entraram no mar".

É o primeiro ano que aquela zona de praia não concessionada conta com a vigilância permanente de um dispositivo de Moto 4x4, contratado pelo Câmara Municipal de Caminha.

Outras Notícias