Exclusivo

Português levado de hospital de Vigo e cremado por engano

Português levado de hospital de Vigo e cremado por engano

O cadáver de um homem com 39 anos, de Paredes de Coura, foi levado por engano de um hospital em Vigo, por uma agência funerária espanhola, e poderá ter sido cremado.

Jorge Miguel Barbosa da Cunha, madeireiro, residente na freguesia courense de Cossourado, faleceu na passada terça-feira, vítima de um acidente de trabalho, e deu entrada no Hospital Nicolás Penha, em Vigo.

Uma agência de transporte internacional portuguesa, contratada pela família, foi ontem tratar dos trâmites legais para a trasladação dos restos mortais e quando se preparava para efetuar o levantamento do corpo encontrou a casa mortuária vazia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG