Viana do Castelo

Condutor morre depois de ser derrubado de viaduto por pesado em Valença

Condutor morre depois de ser derrubado de viaduto por pesado em Valença

Um homem de 42 anos morreu esta quarta-feira à noite na sequência de um acidente com um pesado de mercadorias, que se despistou no IP1 em Cristelo Côvo, Valença.

O pesado, com matrícula espanhola e carregado com lenha, derrubou o veículo ligeiro de um viaduto com "mais de 15 metros de altura".

De acordo com a fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viana do Castelo, ainda é desconhecida a identificação da vítima mortal.

"Dois veículos pesados, um deles que transportava lenha a granel, colidiram, sendo que um dos pesados galgou o separador central do IP1 e foi embater num veículo ligeiro que seguia no sentido Sul/Norte, de Portugal para Espanha", explicou a fonte. O acidente ocorreu cerca das 21.20 horas.

Os dois feridos ligeiros - os condutores do camião e de uma segunda viatura também atingida, mas que não foi projetada - foram assistidos no local e recusaram transporte.

Segundo fonte do CDOS de Viana do Castelo, ao despistar-se, o camião, que seguia no sentido Espanha-Portugal, galgou um separador central da via e largou a mercadoria. Colheu dois automóveis que seguiam no sentido contrário.

Devido ao acidente, o IP1, que dá acesso à A3 (Porto-Valença), foi cortado nos dois sentidos, tendo sido reaberto durante a madrugada, disse ao JN fonte da GNR de Viana do Castelo.

Ao local compareceram um total de 24 operacionais e 11 viaturas dos Bombeiros Voluntários de Valença, da ambulância de Suporte Imediato de Vida, da Viatura de Emergência Médica e Reanimação de Viana do Castelo e a GNR.

ver mais vídeos