Covid-19

Bispo de Viana: "Surto alastra devido a pessoas que vieram de férias e perderam o amor à vida"

Bispo de Viana: "Surto alastra devido a pessoas que vieram de férias e perderam o amor à vida"

O Bispo da Diocese de Viana do Castelo, D. Anacleto Oliveira, disse esta quinta-feira que a pandemia está novamente "a alastrar por causa de pessoas que perderam o amor à vida". As palavras foram proferidas durante uma missa campal que juntou, durante a manhã, centenas de pessoas em frente ao Santuário da Senhora d'Agonia.

Estavam disponíveis cerca de 800 cadeiras, mas havia lugares vazios e a celebração, que normalmente antecede a Procissão ao Mar das festas d'Agonia, que todos os anos atrai milhares de pessoas à cidade, decorreu sem grandes aglomerados. A Romaria este ano não se realiza nos moldes tradicionais. Foram mantidos apenas dois atos religiosos, alguns "pequenos momentos" de fogo-de-artifício e de celebração física, como a apresentação de sexta-feira dos cumprimentos às autoridades civis e eclesiásticas.

O resto, será vivido através das redes sociais da associação promotora da Romaria, VianaFestas, com publicação de vídeos dos diversos números habituais e outros inéditos para assinalar a edição virtual. Um deles foi o lançamento esta quarta-feira de uma versão inédita, por 48 artistas da região, da canção "Havemos de ir a Viana", celebrizada por Amália Rodrigues.

"A Romaria da Senhora d'Agonia não tem este ano o programa que tem habitualmente por o nosso profundo amor à vida", declarou D. Anacleto Oliveira. "O amor verdadeiro é aquele que é provado, em que mais tenho de renunciar a mim próprio, aos meus gostos e interesses. É o de quem se sacrifica como a Mãe o faz pelo seu Filho, pelos outros", acrescentou.

"E, neste momento histórico que estamos a viver, bem precisamos, porque infelizmente o surto do vírus está a alastrar outra vez, exatamente em muitos lugares, por pessoas que vem de férias. Que se esqueceram da situação em que viviam e perderam o amor à vida. (...) E quando isso se perde, então em vez da vida temos a morte", afirmou.

PUB

No próximo domingo, D. Anacleto celebrará novamente uma missa campal, que assinalará o fim da Romaria.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG