Chaves

Folar e pastel de Chaves premiados

Folar e pastel de Chaves premiados

O folar e o pastel de Chaves foram premiados com medalhas de ouro em concursos nacionais que visam destacar os produtos de panificação produzidos em Portugal.

O folar produzido pela empresa Prazeres da Terra foi considerado o melhor pão da Páscoa salgado de Portugal, conquistando duas medalhas de ouro nos concursos nacionais "O Melhor Folar e Pão-de-ló de Portugal", promovido pela Associação do Comércio e da Indústria de Panificação, Pastelaria e Similares (ACIP), e "Concurso Nacional de Pão, Broas, Folares e Bolas Tradicionais Portuguesas", dinamizado pelo Centro Nacional de Exposições de Santarém e pela Qualifica.

Integrado neste último concurso, foi também premiado com ouro o pastel de Chaves produzido pela empresa sediada neste concelho do distrito de Vila Real.

"A excelência deste folar salgado acabou por criar um mercado que exige fornecimento durante todo o ano. Em consequência, este produto deixou de ser um fenómeno sazonal e assumiu o papel de um produto regional de reconhecida reputação e qualidade que concentra em si pormenores históricos e culturais que vale a pena identificar e proteger", afirmou Jorge Santos, o proprietário da empresa com sede e produção em Chaves.

A Prazeres da Terra possui ainda uma loja em Lisboa, na qual vende diversos produtos transmontanos.

"A importância económica do folar de Chaves obriga-nos a ser responsáveis no sentido da preservação da receita e dos métodos tradicionais de modo a evitar usurpações da designação folar de Chaves", referiu ainda o empresário.

Esta iguaria, que marca presença obrigatória em praticamente todos os lares transmontanos durante a celebração da Páscoa, é feita com ovos, farinha, azeite e várias carnes como presunto, salpicão, linguiça e carnes de porco.

PUB

E, para promover o folar produzido no concelho de Chaves, o município realiza entre sexta-feira e sábado o certame "Sabores de Chaves - Feira do Folar", que vai contar com a participação de 28 expositores.

O presidente da Câmara de Chaves, António Cabeleira, afirmou que se trata de uma iniciativa que visa a "promoção e a valorização dos produtos regionais", representando "uma oportunidade de negócio".

"Sabores de Chaves" é a marca chapéu, criada pelo município, para distinguir os produtos agroalimentares produzidos no concelho, em especial os que utilizem matérias-primas locais.

Para além do folar, o certame contará com expositores de pão centeio, pastéis de Chaves, compotas, mel, licores, vinho e artesanato.

À margem do evento decorrerá um festival gastronómico, através do qual os estabelecimentos de restauração aderentes praticarão durante cinco dias consecutivos (de 01 a 05 de abril) um desconto de 10% aos seus clientes.

A feira será ainda aproveitada para promover as Termas de Chaves, estando prevista a oferta de 'vouchers' a alguns compradores para que possam experimentar o balneário que reabriu no último fim-de-semana.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG