Douro Vinhateiro

Oito mil esperados na Meia Maratona Douro Vinhateiro

Oito mil esperados na Meia Maratona Douro Vinhateiro

A sétima edição da Meia Maratona Douro Vinhateiro, que decorre a 20 de maio, vai contar com a participação de cerca de oito mil pessoas, com destaque para os atletas Jéssica Augusto e Rui Pedro Silva, anunciou esta segunda-feira a organização.

Apelidada de "a mais bela corrida do mundo", a prova tem como madrinha Rosa Mota, campeã olímpica da maratona em 1988, enquanto Mário Trindade é mais uma vez o padrinho da meia maratona de Cadeira de Rodas.

Organizado pela Global Sport com o apoio da EDP, o evento tem como palco a Região Demarcada do Douro, decorrendo junto ao rio, entre a Barragem de Bagaúste e a cidade de Peso da Régua.

Para a meia maratona de 21 quilómetros, a organização prevê a participação de dois mil atletas, entre os quais Jéssica Augusto e Rui Pedro Silva.

A atleta garantiu em abril, em Londres, a sua participação nos Jogos Olímpicos Londres2012, para os quais Rui Pedro Silva é o único português com mínimos para a maratona.

Para a minimaratona de seis quilómetros são esperadas oito mil pessoas.

A prova tem a particularidade de ser a única a nível mundial que oferece a todos os participantes vinho do Porto, além da tradicional garrafa de água e bebidas energéticas.

Paulo Costa, diretor geral da Global Sport, anunciou que a edição deste ano conta com o regresso do comboio, o que considera que vai "facilitar a fluidez e o transporte dos atletas até à Barragem de Bagaúste, local de partida da prova".

As viagens iniciam-se às 7.30 horas e terminam às 10.30 horas, hora do tiro de partida. Esta ação conta com o apoio da Secretaria de Estado dos Transportes.

Outra novidade é a alteração do percurso. Os atletas vão passar na ponte pedonal da Régua, uma estrutura de 1872 que foi recentemente reabilitada e aberta ao público.

Para António Martinho, presidente da Região de Turismo do Douro, "esta não é só uma prova desportiva, é um evento que está a internacionalizar o Douro".

À semelhança dos anos anteriores, a Meia Maratona do Douro tem ainda um cariz solidário, estando em preparação uma ação cujas receitas irão reverter para a Unidade de Pediatria do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro.

ver mais vídeos