CDOS

Dominado incêndio em Vila Pouca de Aguiar

Dominado incêndio em Vila Pouca de Aguiar

O incêndio que deflagrou na quarta-feira em Revel, Vila Pouca de Aguiar, foi este sábado dominado, por volta das 14 horas, depois de várias reativações, tendo já sido desmobilizados alguns meios para "descanso de pessoal".

"Desmobilizamos alguns meios para irem descansar e para os termos de novo amanhã mais frescos. Enquanto a temperatura não amenizar, vamos ter aqui para mais alguns dias", disse à Lusa o 2.º comandante Artur Mota, do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Vila Real.

De acordo com Artur Mota, "o perímetro do incêndio já é muito grande, rondando os 5/6 quilómetros".

PUB

"Temos alguns pontos críticos, alguns sítios onde não se conseguiu fazer o rescaldo com máquina e, portanto, há sempre o risco de voltarem a reativar", sublinhou.

No local mantêm-se 335 operacionais, auxiliados por 100 viaturas, de acordo com a informação disponibilizada na página da Internet da Autoridade Nacional da Proteção Civil.

O alerta para este fogo foi dado às 17.14 horas de quarta-feira, em Revel, e, em pouco tempo, verificou-se uma grande mobilização de meios para esta ocorrência que teve uma progressão muito rápida em zona de pinhal e chegou a avançar em três frentes.

O combate tem sido dificultado pelas condições meteorológicas, altas temperaturas durante o dia e ventos fortes e com constantes variações.

Este é o segundo grande incêndio numa semana neste concelho. O fogo que deflagrou no dia 17 de julho, em Cortinhas, Murça, evoluiu para Vila Pouca de Aguiar e queimou uma vasta área de pinhal e mato, ainda soutos, vinha e pastos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG