JN Rede de Notícias

Projeto "Rebanhos Mais" utiliza o pastoreio para gerir espaços naturais e prevenir incêndios

Projeto "Rebanhos Mais" utiliza o pastoreio para gerir espaços naturais e prevenir incêndios

O projeto "Rebanhos Mais", coordenado pela Associação Florestal e Ambiental de Vila Pouca de Aguiar, em conjunto com outras associações, pretende utilizar o pastoreio orientado como uma ferramenta para gerir espaços naturais, prevenir incêndios de maneira coordenada entre diferentes territórios fronteiriços e recuperar áreas degradadas.

A iniciativa procura trabalhar a prevenção de riscos naturais. Assim, vão ser criados modelos de sistemas de informação georeferenciados que, através de uma plataforma virtual, permitam a prevenção de riscos e a adaptação às alterações climáticas do território.

O projeto é coordenado pela Associação Florestal e Ambiental de Vila Pouca de Aguiar, em conjunto com outras associações lusas tais como a dos Criadores de Maronês, dos Criadores de Cabra Brava e dos Caprinicultores de Raça Serrana. O financiamento é proveniente do programa Promove Regiões transfronteiriças da Fundação La Caixa.

Leia mais em Diário do Sul

Outras Notícias