JN Rede de Notícias

Autarca de Castro Daire quer tirar infetados de lar, mas autoridades de saúde não deixam

Autarca de Castro Daire quer tirar infetados de lar, mas autoridades de saúde não deixam

O presidente da Câmara de Castro Daire, Paulo Almeida, lamenta que os 28 utentes do Lar de S. Joaninho, infetados com Covid-19, ainda não tenham sido evacuados para o hospital. As autoridades de saúde querem que os idosos permaneçam na instituição, mas o autarca não concorda.

Paulo Almeida revela ter falado, esta terça-feira, com a ministra da Saúde, Marta Temido, para que "os utentes infetados pudessem ser transferidos de imediato, devido à sua urgência", não tendo recebido resposta positiva. "O Lar de S. Joaninho é uma estrutura residencial e não é uma unidade de cuidados de saúde. Com os utentes, que têm idades elevadas e quadros clínicos complexos, infetados pela Covid-19, vamos ter problemas sérios no futuro e precisar rapidamente de cuidados de saúde", alerta o presidente da câmara castrense.

Leia mais em Jornal do Centro

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG