País

Parque de Santiago vai ter praia fluvial

Parque de Santiago vai ter praia fluvial

O parque urbano localizado junto à radial de Santiago, em Viseu, vai ter uma praia fluvial. O projecto, anunciado esta semana pela autarquia, será viabilizado a partir da construção no rio Pavia da barragem/açude do Catavejo.

Em menos de um mês, o espaço construído a pensar na mudança da feira semanal de Viseu, mudou a vocação que lhe estava destinada. Depois de ter anunciado que o parque será exclusivamente aproveitado para actividades de lazer, a Câmara Municipal de Viseu (CMV) vem agora acrescentar-lhe um novo projecto: a construção de uma praia fluvial.

O presidente da autarquia, Fernando Ruas, explicou que a Praia Fluvial de Santiago, como ficará conhecida, aproveitará as águas da barragem/açude a construir a montante do rio Pavia, na zona do Catavejo, na freguesia de Mundão. Um equipamento destinado a controlar as cheias do inverno e a garantir, durante os 365 dias do ano, um caudal regular e permanente de água no Pavia.

O anúncio da mudança de planos relativamente ao parque urbano da radial de Santiago apanhou muita gente de surpresa. O próprio presidente da autarquia o reconheceu na altura. Agora, ao prometer a construção da praia, Ruas justifica a decisão. "As pessoas vão perceber porque decidimos não transferir a feira semanal para aquele espaço. Já tínhamos também este projecto em carteira", explicou.

A decisão da autarquia em mudar a vocação do parque urbano, concebido para receber a feira semanal das terças, gerou controvérsia. Miguel Ginestal, do Partido Socialista, condenou a opção que, em seu entender, pôs em causa o planeamento feito para o local. Lamentou, ainda, que os feirantes continuem a trabalhar sem condições no recinto que ocupam há vários anos, do outro lado do rio.

Fernando Ruas afirmou ter auscultado os feirantes antes de tomar a decisão de manter a feira das terças no mesmo local. Anunciou,ainda, que serão ali feitas algumas obras e construídas mais uma ou duas casas de banho.

A decisão foi ainda fundamentada, segundo Ruas, com as opiniões favoráveis das pessoas que passaram a frequentar o parque urbano da radial de Santiago. Um espaço amplo, com piso próprio para caminhadas e corridas, serviço de bar e esplanada e equipamentos para actividades físicas.

PUB

Embora a feira semanal ocupe o recinto onde se realiza apenas durante a manhã e parte da tarde das terças-feiras, deixando livres os restantes dias da semana, a Câmara considerou que a qualidade do parque urbano "merecia" um aproveitamento exclusivamente lúdico. O que está a acontecer.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG