O abrigo animal "Tarecos & Patudos" em Labruge, Vila do Conde, tem mais dez dias para encerrar portas. O Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) tinha ordenado o "encerramento compulsivo" até esta terça-feira.

Labruge

Abrigo de Vila do Conde tem mais dez dias para fechar portas

Abrigo de Vila do Conde tem mais dez dias para fechar portas

De acordo com Liliana Oliveira, presidente da associação há dois anos, uma providência cautelar atribui-lhes mais dez dias para abandonarem o espaço. O ICNF tinha ordenado o "encerramento compulsivo" em cinco dias, prazo que terminou na terça-feira, por considerar o "elevado risco de incêndio".

Em comunicado, a Câmara Municipal de Vila do Conde acusou a associação de ter recusado a ajuda da autarquia e enumerou as irregularidades, detetadas em abril, durante uma visita ao espaço realizada pela veterinária municipal, Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente e ICNF.

"Construção de uma fossa e jaulas não permitidas pela tipologia do terreno", "falta de análises à água", "inexistência de sistema de proteção contra Incêndios" e "uma puxada ilegal de eletricidade" foram, de acordo com o município, as falhas detetadas nas instalações da "Tarecos & Patudos".

Apesar de considerarem a situação "injusta" e "revoltante", responsáveis e voluntários do abrigo estão a trabalhar para conseguirem famílias para os cães e gatos que ainda acolhem. Através do Instagram, a "Tarecos & Patudos" tem recebido "centenas de mensagens" de famílias dispostas a adotarem os animais, mas Márcia Silva, voluntária e uma das gestoras da rede social, sublinha que as adoções devem ser feitas de forma consciente.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG