De uma forma pouco convencional, a associação "Mundos de Vida" conseguiu voltar a unir as famílias durante o período mais crítico da evolução da pandemia em Portugal.

Famalicão

Depois da pandemia: Lar "Mundos de Vida" lembra encontros à distância com famílias

Depois da pandemia: Lar "Mundos de Vida" lembra encontros à distância com famílias

Uma varanda, um vidro e um sistema de auscultadores com microfone bastaram, para que os jantares a que os idosos do lar "Mundos de Vida" estavam acostumados não perdessem a mesma autenticidade.

"A naturalidade, a emoção, a partilha e a proximidade da família era a mesma", conta Manuel Araújo diretor deste centro.

O momento do jantar entre Emília e o filho Miguel retrata a realidade vivida no início da pandemia entre as famílias do lar.

Para Manuel Araújo, o fator que verdadeiramente marcou esta iniciativa foi a fluidez com que os almoços, jantares ou até festas de aniversário eram realizados. Na adversidade, este lar encontrou um mecanismo eficaz de manter as rotinas dos idosos residentes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG