O Jogo ao Vivo

Desporto

COMENTÁRIO: Oliveirense 'reduzida' segura empate a zero diante de Moreirense ineficaz

COMENTÁRIO: Oliveirense 'reduzida' segura empate a zero diante de Moreirense ineficaz

A Oliveirense e o Moreirense empataram hoje 0-0, no jogo em atraso da primeira jornada do Grupo C da Taça da Liga, depois de os oliveirenses terem um futebolista expulso na segunda parte e os 'cónegos' desperdiçarem um 'pénalti'.

Na sua estreia a titular pela equipa da casa, o argelino Boukassi viu o cartão vermelho direto, aos 54 minutos, por uma entrada fora de tempo sobre Rafael Costa, tendo o brasileiro desperdiçado uma grande penalidade oito minutos mais tarde, num jogo em que Kadú foi a figura.

O Moreirense atuou com grande parte daquele que é o seu 'onze' base, apresentou um futebol dinâmico, imprimiu um ritmo alto e trocou a bola em passes curtos com poucos toques na bola, pressionando rapidamente e com agressividade quando a Oliveirense tinha posse.

Por seu lado, a equipa da casa 'rodou' alguns jogadores, mantendo ainda assim um bloco coeso, sem medo de ter a bola, porém, devido à forma em que os primodivisionários se apresentaram, os oliveirenses não criaram qualquer ocasião de perigo durante toda a partida.

Do primeiro tempo sublinham-se duas jogadas de Koffi, uma arrancada aos 23 minutos pelo lado direito do ataque, fletindo para o meio e 'disparando' à trave, tendo pouco depois cruzado rasteiro para a entrada de Rafael Costa, que rematou por cima da trave.

A expulsão de Boukassi, aos 54 minutos, devido a uma entrada perigosa sobre Rafael Costa tornou o jogo mais fácil para os 'cónegos', mas a falta de acerto revelou-se o maior problema da equipa de Manuel Machado, que nem de penálti 'desatou' o marcador.

Num contra-ataque, Zizo foi derrubado em falta dentro da grande área por Sérgio Silva. Chamado a converter, Rafael Costa enganou Kadú, mas a bola saiu ao lado.

O guarda-redes angolano foi crescendo como a figura da partida, numa dupla defesa a remates de Alfa e Zizo aos 73 minutos.

Cinco minutos depois, Zizo rematou para nova defesa de Kadú, na recarga Sagna serviu Tozé que rematou com 'selo' de golo, mas Xandão, em cima da linha de baliza, afastou o perigo.

Aos 83 minutos, Ernest rematou rasteiro ao poste e, já em tempo de desconto, Kadú voltou a salvar o empate com uma excelente defesa ao cabeceamento de Cádiz.

Jogo realizado no Estádio Municipal de Aveiro.

Oliveirense -- Moreirense: 0-0.

Equipas:

- Oliveirense: Kadú, Kevin, Xandão, Sérgio Silva, Raúl Martins, Clayton, Godinho, Boukassi, Bruno Amorim (João Mendes, 56), Rafa (Cláudio Silva, 76) e Diogo Valente (Serginho, 69).

(Suplentes: Coelho, Ricardo Tavares, João Mendes, Sérgio Ribeiro, Serginho, Cláudio Silva e Fabian.)

Treinador: Pedro Miguel.

- Moreirense: Jhonathan, Koffi, Abarhoun, Iago, Rúben Lima (Sagna, 70), Alfa Semedo, Neto (Jhonder Cádiz, 46), Rafael Costa, Zizo, Tozé e Bilel (Ernest Ohemeng, 60).

(Suplentes: Felipe, Ernest Ohemeng, João Sousa, Bruno Ramires, Arsénio, Jhonder Cádiz e Sagna.)

Treinador: Manuel Machado.

Árbitro: António Nobre (AF Leiria)

Ação disciplinar: cartão amarelo para Abarhoun (06), Koffi (81), Kadú (89), Xandão (90), Godinho (90+1) e Cláudio Silva (90+1). Cartão vermelho direto para Boukassi (54).

Assistência: 128 espetadores.