Desporto

FRASES DA SEMANA

Seleção de frases que marcaram os últimos oito dias:

"Estou cansado daquela conversa dos sportinguistas sobre se devo ter elevação ou não devo ter elevação. Para elevação temos o Bas Dost, que tem quase dois metros."

Bruno de Carvalho, presidente do Sporting

10-11-2017

"O país está velho, doente e, em muitas circunstâncias, entregue a si próprio e abandonado."

Adalberto Campos Fernandes, ministro da Saúde

10-11-2017

"[O Governo alcançou] uma espécie de milagre político: pôr de acordo sobre a política que estão a desenvolver, quer Bruxelas, quer o PCP e o BE, o que é uma coisa nunca vista, que vai ficar na história."

Diogo Freitas do Amaral, antigo ministro dos Negócios Estrangeiros

Antena 1, 11-11-2017

"O modelo de governação português é uma lição para a esquerda na Europa."

François Hollande, ex-Presidente francês

Expresso, 11-11-2017

"A corrupção e a impunidade têm um impacto negativo direto na capacidade do Estado e dos seus agentes executarem qualquer programa de governação. Exorto por isso todo o nosso povo a trabalhar em conjunto para estripar esse mal que ameaça seriamente os alicerces da nossa sociedade."

João Lourenço, Presidente de Angola

11-11-2017

"Quando há uma boa notícia todos a queram reclamar para si e quando falta dinheiro nos hospitais, quando as cirurgias são adiadas, quando as consultas não existem, quando há surtos como o da 'legionella', nessa altura parece que ninguém suporta o Governo, que PCP e Bloco de Esquerda se evaporam, já não estão lá, e de repente querem vir fazer oposição."

Assunção Cristas, presidente do CDS/PP

11-11-2017

"A utilização do Panteão Nacional para eventos festivos é absolutamente indigna do respeito devido à memória dos que aí honramos. Apesar de enquadrado legalmente, através de despacho proferido pelo anterior Governo, é ofensivo utilizar deste modo um monumento nacional com as características e particularidades do Panteão Nacional."

Comunicado do primeiro-ministro, António Costa

11-11-2017

"O que é curioso constatar é que este Web Summit em tudo aquilo que é positivo, em tudo aquilo que é popular, é sempre mérito deste Governo e nunca do Governo anterior. Já quando o Web Summit está envolvido em alguma polémica, a responsabilidade é do governo anterior."

Adolfo Mesquita Nunes, dirigente do CDS/PP

11-11-2017

"A imagem que eu tenho do Panteão Nacional não é de ser um local adequado para um jantar, nem que seja o jantar mais importante de Estado. Portanto, se o Governo tomou uma decisão no sentido de isso deixar de ser possível, acho que foi uma decisão muito sensata, muito óbvia, corresponde àquilo que qualquer pessoa com algum bom senso faria nesse caso concreto."

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República

11-11-2017

"A direita não é o PSD, a direita pode ser o CDS (e com certeza que é), assim como a esquerda será o BE, o PCP e em grande medida o PS. O PSD é um partido de centro."

Rui Rio, candidato à presidência do PSD

11-11-2017

"Não sou igual aos outros, não me ponho aos abraços e aos beijos a toda a hora, não sorrio a toda a hora."

Pedro Santana Lopes, candidato à presidência do PSD

TSF/Diário de Notícias, 12-11-2017

"Quando é que todos os 'haters' e imbecis vão perceber que ter uma boa relação com a Rússia é uma coisa boa, não é uma coisa má? Estão sempre a fazer jogo político -- mau para o nosso país. Quero resolver a Coreia do Norte, Síria, Ucrânia, terrorismo, e a Rússia pode ajudar muito!"

Donald Trump, Presidente dos Estados Unidos

12-11-2017

"O Presidente tem demonstrado ser um democrata que defende a democracia."

Teodoro Obiang, Presidente da Guiné Equatorial

12-11-2017

"Estou à espera de ser preso e que nos matem a todos aqui no partido, porque aqui não há Estado de Direito."

Gabriel Obono, líder do Cidadãos para a Inovação, visado nas declarações públicas do presidente Teodoro Obiang

12-11-2017

"[O jantar de encerramento do Web Summit no Panteão Nacional] foi um entre tantos outros jantares que se realizaram no Panteão, de acordo com o regulamento em vigor. (...) Demitir-me? Nem pensar."

Isabel de Melo, diretora do Panteão Nacional

Expresso, 12-11-2017

"Estão a especular que a Venezuela se declarará em 'default'. Nunca. O 'default' nunca chegará à Venezuela."

Nicolás Maduro, presidente da Venezuela

12-11-2017

"É sempre possível [uma solução diferente à independência]! Trabalhei durante 30 anos para conseguir outra ligação da Catalunha a Espanha! Trabalhamos muito nessa questão, mas a chegada de Aznar [antigo primeiro-ministro] ao poder deteve esse desejo."

Carles Puigdemont, presidente destituído da região autónoma da Catalunha

Le Soir, jornal belga, 13-11-2017

"Portugal está a dar ao mundo um exemplo prático e esperançoso de como se pode governar e se pode legislar, de como se pode ser um Estado operante respeitando e abraçando as diferenças: vocês têm um tipo de Governo que na Colômbia descreveríamos como 'variopinta' (multicolorido), a que alguns prognosticavam um fracasso rotundo."

Juan Manuel Santos, presidente da Colômbia

13-11-2017

"Se, como creio, a verdadeira nobreza é a nobreza de espírito, Juan Manuel Santos é, por mérito de ser autor de grande política, um verdadeiro nobre entre os mais nobres contemporâneos."

Ramalho Eanes, antigo Presidente da República

13-11-2017

"O Governo acordou tarde nesta matéria [problema da seca]. A primeira vez que publicamente sinalizei que o Governo já estava atrasado foi em abril."

Assunção Cristas

14-11-2017

"Não há democracia sem liberdade de expressão, sem liberdade de imprensa. Direitos consagrados na nossa Constituição e que o executivo angolano, primeiro do que quaisquer outras instituições do Estado angolano, tem a obrigação de respeitar e cumprir."

João Lourenço

14-11-2017

"É fundamental que o partido [socialista] não seja transformado apenas num mero instrumento do Governo para fins eleitorais e possa ser de facto um partido com massa crítica, com pensamento próprio e com capacidade de refletir estrategicamente sobre o futuro do país."

António Costa, secretário-geral do PS

14-11-2017

"Quem congelou a progressão das carreiras foi o Governo do engenheiro Sócrates. Quem levou o país à pré-bancarrota foi o Governo do engenheiro Sócrates, onde o doutor António Costa foi número dois na altura e durante muito tempo, de resto durante todo o consulado do engenheiro Sócrates, foi número dois no Partido Socialista."

Hugo Soares, líder parlamentar do PSD

15-11-2017

"É preciso haver negociação, é preciso incluir os professores, é preciso fazê-lo com gradualismo e com critérios, mas o que não pode acontecer é que os professores sejam deixados de fora do conjunto dos funcionários da administração pública."

Ana Rita Bessa, deputada do CDS/PP

15-11-2017

"Não podemos ignorar quem constrói a escola pública."

Catarina Martins, coordenadora do BE

15-11-2017

"O que os professores reclamam é justiça, que o seu tempo de serviço não seja apagado."

Heloísa Apolónia, líder do PEV

15-11-2017

"Os professores não trabalharam nem metade do tempo, nem alguns dias, nem uns meses ou anos."

Mário Nogueira, secretário-geral da Fenprof

15-11-2017

"O Presidente da República não vai imiscuir-se naquilo que é a tramitação das investigações para que se não diga que está a criar qualquer empecilho ou qualquer limite. Simplesmente não se esquece. O Presidente da República tem uma memória de elefante, ele não se esquece."

Marcelo Rebelo de Sousa

15-11-2017

"[Que a Sonangol] Continue a ser, para a nossa economia, a galinha dos ovos de ouro. Eis a razão por que fazemos este apelo, para que cuidem bem dela."

João Lourenço, na posse dos novos administradores da Sonangol

16-11-2017

"A Sonangol não é uma empresa como as outras; é a coluna vertebral da economia nacional e o garante do futuro dos nossos filhos. Sinto-me privilegiada por ter contribuído para a reforma e melhorias desta grande empresa."

Isabel dos Santos, empresária e ex-presidente do conselho de administração da Sonangol

16-11-2017

"O país finalmente tem um rumo. E para ser credível tem de haver números certos."

Mário Centeno, ministro das Finanças

17-11-2017

"Reconhecemos que não é possível reconhecer o tempo todo de serviço [dos professores], mas [é preciso] encontrar um mecanismo suficientemente dilatado no tempo para que, sem apagar o passado e sem comprometer o futuro, [seja possível] reconhecer essa dívida que, num certo sentido, o Estado tem para com essas carreiras, mas também o direito que o país tem de ter finanças sólidas para o futuro."

João Galamba, porta-voz do PS

17-11-2017

"Se [o PS] não o fizer, o PCP fará uma proposta para a contagem do tempo para o Orçamento do Estado em 2018."

Miguel Tiago, deputado do PCP

17-11-2017

"Se o Governo falhar aos professores, o BE estará cá para apresentar uma proposta na especialidade."

Mariana Mortágua, deputada do BE

17-11-2017