Desporto

I Liga (1.ª volta): Quim Machado vê campeonato equilibrado e luta tremenda

I Liga (1.ª volta): Quim Machado vê campeonato equilibrado e luta tremenda

O treinador Quim Machado, a orientar o Al-Batin, da Arábia Saudita, destacou hoje a "luta tremenda na frente" da I Liga portuguesa de futebol, que considerou "muito equilibrada" e "competitiva" após a primeira volta.

"O FC Porto apresenta esta época um futebol de qualidade, o Sporting também e o Benfica está ligeiramente atrás", disse à agência Lusa Quim Machado, acrescentando que "a luta entre os três 'grandes' é intensa, competitiva e equilibrada".

A comprovar o equilíbrio entre os três crónicos candidatos ao título está o facto de, entre os jogos já realizados entre si na primeira volta -- Sporting-FC Porto (0-0), FC Porto-Benfica (0-0) e Benfica-Sporting (1-1) -, nenhum deles ter conseguiu vencer.

"O campeonato está muito equilibrado e a diferença existente entre os três (separados por cinco pontos) não permite, para já, antecipar qual será campeão", realçou Quim Machado, considerando que esta situação "acrescenta qualidade à I Liga".

O líder FC Porto, com dois pontos de vantagem sobre o Sporting e cinco face ao Benfica, ainda de acordo com Quim Machado, "não está a facilitar, mas a margem não é muita". "A luta entre os três está intensa e ainda bem que assim é", frisou.

"Portugal [no que toca à competitividade da I Liga] está no bom caminho", acrescentou Quim Machado, que destacou também "a luta tremenda no fundo da tabela classificativa pela fuga à despromoção".

Em relação ao videoárbitro (VAR), e a título de balanço das incidências da primeira volta, Quim Machado considera que "é uma tecnologia nova, que está a atravessar a sua fase de implementação, com todas as dificuldades adstritas a essa situação".

"Ninguém sabe ainda muito bem como funciona e quais as suas regras", adiantou o treinador português, acrescentando que "no final da época é necessário sentar à mesma mesa todos os intervenientes para analisar a sua implementação, o que correu bem e o que correu mal".

A exemplo de outros campeonatos, disse ainda Quim Machado, a época de estreia da aplicação da tecnologia do VAR "é sempre muito complicada, com confusões de leis e regras novas, mas será melhor na próxima temporada".

Quim Machado, de 51 anos, orientou, entre outros, Oliveirense (2004/06), Tirsense (2006/10), Feirense (2010/13), Desportivo de Chaves (2013/14), Tondela (2014/15), Vitória de Setúbal (2015/16), Santa Clara e Belenenses (2016/17).

Presentemente, o treinador português comanda os árabes do Al-Batin, naquela que é a sua terceira experiencia no estrangeiro, depois de ter orientado os húngaros do Vasas de Budapeste e os polacos do Lechia Gdansk.

ver mais vídeos