Nacional

Incêndios: "Não foram mobilizados totalmente os meios disponíveis" no combate inicial em Pedrógão

Incêndios: "Não foram mobilizados totalmente os meios disponíveis" no combate inicial em Pedrógão

As autoridades não tiveram "a perceção da gravidade potencial do fogo" de Pedrógão Grande, pelo que no combate inicial "não foram mobilizados totalmente os meios que estavam disponíveis", concluiu a comissão técnica que analisou os incêndios de junho no Centro.

De acordo com o documento, hoje entregue ao presidente da Assembleia da República, "não houve pré-posicionamento de forças, nem análise da situação com base na informação meteorológica disponível".

"A partir do momento em que foi comunicado o alerta de incêndio, não houve a perceção da gravidade potencial do fogo, não se mobilizaram totalmente os meios que estavam disponíveis e os fenómenos meteorológicos extremos acabaram por conduzir o fogo, até às 03:00 do dia 18 de junho, a uma situação perfeitamente incontrolável", lê-se no relatório.

A comissão técnica independente conclui que "houve uma subavaliação e excesso de zelo na análise da fase inicial do incêndio de Pedrógão Grande", o que contribui para que "o ataque inicial não conseguisse debelar o avanço do fogo".

Conteúdo Patrocinado