Economia

Lotes no Parque da Cidade de Viana do Castelo rendem 2ME à sociedade Polis

Lotes no Parque da Cidade de Viana do Castelo rendem 2ME à sociedade Polis

A VianaPolis encaixou perto de dois milhões de euros com a venda de sete dos 17 lotes de terreno que ainda detinha no Parque da Cidade de Viana do Castelo, disse hoje à agência Lusa fonte daquela sociedade.

A fonte da sociedade que gere o programa Polis de Viana do Castelo anunciou a recente venda de três lotes de terreno com uma área de 7.800 metros quadrados a uma empresa de capitais nacionais por mais de 910 mil euros, "destinados à construção de habitação".

Outros quatro lotes tinham sido vendidos em fevereiro por um pouco mais de milhão de euros.

A fonte da VianaPolis explicou que "dos 17 lotes ainda à venda, 15 destinam-se à construção de habitação e, outros dois, a equipamentos do setor da hotelaria e apoio social, estando atualmente em negociação várias manifestações de interesse".

Em causa estão terrenos situados junto ao rio Lima, intervencionados pela VianaPolis e colocados à venda, em 2006, por 21,6 milhões de euros mas sucessivas hastas públicas não os conseguiram negociar, apesar das várias revisões do preço base.

Em 2013, na última tentativa, o preço base ficou fixado nos 7,5 milhões de euros. Desde então, a venda ficou aberta em contínuo, aguardando por investidores interessados.

Esta área foi recuperada e infraestruturada pela sociedade VianaPolis, responsável pela execução do programa Polis de Viana do Castelo, detida em 60% pelos ministérios do Ambiente e das Finanças e em 40% pelo município.

Em causa está uma área de 63.199 metros quadrados de terrenos para a construção de habitação de luxo, 1.776 metros quadrados para comércio, 19.526 metros quadrados de estacionamento, além de um lote de 9.496 metros quadrados para construção de um hotel.