Autárquicas 2013

José Maria Costa reforça hegemonia do PS em Viana do Castelo

José Maria Costa reforça hegemonia do PS em Viana do Castelo

O PS de José Maria Costa espreita o melhor resultado eleitoral de sempre para os socialistas de Viana do Castelo: 53,2%. O PSD, por sua vez, terá o pior, com dois vereadores. Ilda é eleita para o Executivo.

A confirmar-se o resultado da sondagem, José Maria Costa conseguirá, em outubro, o melhor resultado eleitoral já obtido pelos socialistas na capital do Alto Minho, antigo bastião social-democrata, perdido há duas décadas para o PS.

No segundo estudo realizada para o JN na capital do Alto Minho, com pouco mais de um mês de diferença sobre o primeiro, todos os candidatos sobem, exceção feita ao do PSD, Eduardo Teixeira, líder da distrital laranja.

Se no anterior estudo, datado de final de maio, Teixeira obtinha 25% das intenções de voto dos vianenses, podendo eleger entre dois a três vereadores, a sondagem deste mês retira à candidatura quase um ponto e meio de intenções (projeção de 23,6%), reduzindo os sociais democrata a dois lugares na vereação, o que, a verificar-se, traduzir-se-ia no mais baixo resultado de sempre conseguido pelo PSD em Viana do Castelo.

Melhor que Defensor

Segundo o estudo da Eurosondagem, Costa sobe mais de um ponto percentual nas intenções dos vianenses (passa de 52% para 53,2%), conseguindo eleger seis vereadores, mais um que há quatro anos. Supera mesmo, em mais de dois pontos percentuais, o melhor escrutínio de Defensor Moura nas suas candidaturas à autarquia (51,1%, nas eleições de 2001).

Rosto da candidatura comunista, Ilda Figueiredo sobe também (de 9,8% para 10,9%), o mesmo sucedendo a Carlos Meira, que lidera a lista centrista à autarquia (de 5,7% para 7,5%). Contudo, apesar da subida, Meira não consegue manter o lugar na vereação reconquistado em 2009, ano em que os centristas concorreram coligados com o PSD. Tal não sucede, porém, com a candidatura de Ilda Figueiredo, que reconquista, para a CDU, o lugar perdido em 2005 pelos comunistas no Executivo.

A inexistência de uma candidatura do Bloco de Esquerda, o que sucede pela primeira vez na Câmara alto-minhota, desde 2001, poderá contribuir, também, para as intenções de voto recolhidas pela candidata comunista.

Em 1993, Defensor Moura, rosto da candidatura socialista, "roubava" ao PSD um dos seus antigos bastiões, por escassos 265 votos. O resultado ditaria, então, uma maioria relativa para o PS, partido que viria a consolidar a sua posição nas seguintes eleições, hegemonia que, ao que tudo indica, poderá sair reforçada, em outubro próximo.

FICHA TÉCNICA

Estudo de opinião efetuado pela Eurosondagem, S.A., para o JN, nos dias 11 e 12 de julho de 2013. Entrevistas telefónicas, realizadas por entrevistadores selecionados e supervisionados. O universo é a população com 18 anos ou mais, residente no concelho de Viana do Castelo, e habitando em lares com telefone da rede fixa. Foram efetuadas 610 tentativas de entrevistas e, destas, 99 (16,2%) não aceitaram colaborar no estudo de opinião. A escolha do lar foi aleatória nas listas telefónicas e o entrevistado, em cada agregado familiar, o elemento que fez anos há menos tempo, e desta forma aleatória resultou, em termos de sexo, (feminino - 51,5%; masculino - 48,5%), e no que concerne à faixa etária, (dos 18 aos 30 anos - 18,8%; dos 31 aos 59 - 48,9%; com 60 anos ou mais - 32,3%) num total de 511 entrevistas validadas. O erro máximo da amostra é de 4,32%, para um grau de probabilidade de 95%.

ver mais vídeos