Legislativas 2011

PS e PSD separados por 60 minutos

PS e PSD separados por 60 minutos

Os dirigentes políticos do PS e do PSD fizeram um acordo para que os respectivos apoiantes não se cruzem hoje, na Rua de Santa Catarina, no Porto, onde os dois partidos têm agendadas arruadas e comícios.

Ao contrário do que aconteceu em Braga há uma semana, no Porto, as caravanas dos socialistas e dos sociais-democratas não deverão cruzar-se, devido a um entendimento prévio entre aparelhos partidários.

A arruada do PS começa às 17 horas e acaba às 19 horas. A do PSD começa às 18h30 e acaba também duas horas depois. Como ambas saem da Praça da Batalha, entre elas existem pelo menos 60 minutos de segurança.

"Tentaremos desmobilizar as pessoas o mais depressa possível para que não haja colisão", afirmou ao JN, Joel Azevedo, membro do secretariado da distrital e coordenador na campanha do PS/Porto. "Houve uma conversa entre dirigentes políticos porque queremos que tudo decorra com responsabilidade e tranquilidade", confirmou Marco António Costa.

Apesar do acordo, o PS critica o facto de "o PSD não se ter feito representar, há um mês, numa reunião com o governador civil", em que estiveram presentes todos os partidos. "Com tantos dias de campanha, a coincidência é estranha", notou Joel Azevedo.

Marco António não encontra estranheza nenhuma e garante que o PSD tratou de tudo "com o governo civil e com as forças de segurança da cidade".