Fora de Jogo

Polvo muda apostas dos britânicos

Polvo muda apostas dos britânicos

Um número significativo de apostadores britânicos que apostaram na vitória da Holanda na final do Mundial de futebol mudou o sentido da aposta depois do já célebre Paul, o polvo, ter previsto o triunfo da Espanha.

"O efeito Paul reverteu o sentido das apostas", disse um porta voz da casa Paddy Power, que revelou uma verba recorde de apostas, que ascende a dezenas de milhões de euros.

A sentido das apostas estava a ser favorável à selecção laranja com 54 por cento a seu favor, mas, depois de Paul prever que a Espanha será o novo campeão do Mundo, inverteu, com os espanhóis a terem 56 por cento das apostas favoráveis.

A influência de Paul não surtiu noutras casas de apostas concorrentes, nas quais as apostas, de um modo geral, são favoráveis a uma vitória espanhola.

Perante as câmaras do Mundo inteiro, o polvo do aquário de Oberhausen, na zona oeste da Alemanha, que tem acertado em todos os resultados da selecção germânica no Mundial, foi mais uma vez seduzido pelas cores da bandeira espanhola (já previra a vitória de "nuestros hermanos" frente à "mannschaft" nas meias finais) e pelos mexilhões colocados no aquário onde aquela foi colocada).