Fora de Jogo

Os golos de Eusébio contra a Coreia do Norte, em 1966

Os golos de Eusébio contra a Coreia do Norte, em 1966

O dia de sonho de Eusébio, em 1966, foi de pesadelo para a Coreia do Norte. A equipa asiática achou-se a vencer, por 3-0, em 25 minutos, mas noutro tanto tempo foi vítima da voracidade do "Pantera Negra". Recorde os golos, em vídeo e a cores.

No estádio do Everton, a equipa azul de Liverpool, a Coreia do Norte entrou no jogo a ganhar, com um golo de Pak-Seung Zin, no primeiro minuto de jogo. Portugal andava à toa no Goodison Park e os norte-coreanos aproveitaram para dilatar a vantagem, por Li Dong Woon (22 minutos).

Ainda a selecção portuguesa não se tinha recomposto do golpe, a Coreia do Norte aumenta a vantagem, para 3-0, com um golo Yang Sung Kook (25 m).

Tudo parecia correr bem à Coreia do Norte. Eis que o "Pantera Negra" acorda e começa a reviravolta história. A passe de Torres, reduziu para 1-3, aos 27 minutos. Ainda antes do intervalo, numa altura crucial, como ainda hoje se diz, Eusébio, de penálti, reduz para 2-3. No estádio, cerca de 51 mil pessoas assistem a uma discussão, gestual, entre Eusébio e um norte-coreano.

O jogador da Coreia do Norte já devia estar a antecipar a reviravolta, consumada pelo talento e raça de Eusébio, em apenas três minutos. Igualou a partida, 3-3, aos 56 minutos, e, pouco depois (59) marcou o penálti que colocou Portugal em vantagem, ainda combalido da falta dura sofrida no lance que originou a grande penalidade. José Augusto (80 m) selou a vitória de Portugal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG