Cabul

Canadá envia forças especiais para evacuar embaixada no Afeganistão

Marines dos EUA colocam arame farpado nos muros da embaixada em Cabul, quando a retirada de militares avança

Foto Rob Elliott / Afp

Forças especiais canadianas vão ser destacadas para o Afeganistão para evacuar a embaixada em Cabul, noticiou a agência de notícias Associated Press, que cita um responsável que pediu para não ser identificado.

Poucas semanas antes de os EUA deixarem por completo o Afeganistão, os norte-americanos também estão a enviar três mil militares para o aeroporto de Cabul para ajudar a uma evacuação parcial da sua embaixada e dar apoio terrestre e aéreo a um operação semelhante do Reino Unido.

Londres vai enviar, temporariamente, cerca de 600 soldados para o Afeganistão para ajudar os britânicos a deixar o país, face ao avanço militar dos talibãs, anunciou na quinta-feira o ministro da Defesa do Reino Unido.

Os talibãs lançaram uma vasta ofensiva contra as forças do Governo de Cabul no início de maio, após o anúncio da retirada final das forças internacionais do Afeganistão, que deve estar concluída no final deste mês.

Localizado na Ásia, o Afeganistão faz fronteira com seis países (Paquistão, Tajiquistão, Irão, Turquemenistão, Uzbequistão e China), sendo a paquistanesa a mais extensa, com 2.670 quilómetros.