Zamora

Portuguesa morre na estrada onde os dois irmãos emigrantes se despistaram

César Castro

O acidente ocorreu na A-52, em Zamora

Foto Pexels

Uma mulher de nacionalidade portuguesa morreu, este sábado de manhã, em Zamora, Espanha, depois de o carro em que seguia se ter despistado e capotado várias vezes ao quilómetro 14 na A-52. Foi nessa autoestrada que, há dois dias, morreram dois irmãos emigrantes de Fafe, num acidente que feriu gravemente o pai dos jovens.

Segundo a imprensa espanhola, o alerta para o acidente, que decorreu junto aos municípios de Quintanilla de Urzna e Quiruelas de Vidriales, na província espanhola de Zamora, foi dado às 7.20 horas. Além da vítima mortal, há pelo menos dois feridos ligeiros a registar, que foram transportados para o Hospital de Benavente.

De acordo com o "Zamora 24 horas" e o "La Opinión de Zamora", que citam fontes das autoridades locais, o veículo, um BMW Série 1 com matrícula francesa, saiu da estrada, por motivos ainda desconhecidos, e capotou, invadindo o sentido contrário. A vítima seguia no banco traseiro esquerdo.

O JN apurou que a vítima mortal chama-se Fernanda Gomes e era de Ucha, em Barcelos. No mesmo carro estavam a filha, o namorado da filha - que era o condutor - e a mãe do namorado. Fernanda completava este sábado precisamente 43 anos. À sua espera tinha uma festa de aniversário, que se ia realizar numa quinta, com toda a pompa e circunstância que a ocasião merecia.

Relacionadas