Nações Unidas

António Guterres escolhe três mulheres para cargos de relevo na ONU

António Guterres escolhe três mulheres para cargos de relevo na ONU

O novo secretário-geral da ONU, António Guterres, anunciou, esta quinta-feira, a escolha da ministra do Ambiente nigeriana Amina Mohammed para ser a "número dois" da organização, bem como a nomeação de outras duas mulheres para outros cargos de relevo.

A diplomata brasileira Maria Luiza Ribeiro Viotti vai ser a chefe de gabinete de António Guterres, enquanto a sul-coreana Kyung-wha Kang irá assumir o novo cargo de assessora especial para a área da política.

Amina Mohammed, que foi assessora especial das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, substituirá no cargo o sueco Jan Eliasson.

Maria Luiza Ribeiro Viotti foi embaixadora do Brasil na ONU entre 2007 e 2013, quando foi nomeada embaixadora do Brasil na Alemanha.

O antigo primeiro-ministro português foi empossado como secretário-geral das Nações Unidas na passada segunda-feira, numa cerimónia na assembleia-geral da organização internacional.

Guterres, que sucede ao sul-coreano Ban Ki-moon, vai entrar em funções a um de janeiro de 2017, para um mandato de cinco anos.