Crise

"Apagão" afeta maioria dos estados da Venezuela

"Apagão" afeta maioria dos estados da Venezuela

Um "apagão" deixou na segunda-feira sem energia elétrica algumas zonas de 14 estados na Venezuela, afetando o Distrito Metropolitano de Caracas, incluindo áreas na própria capital do país.

Além da falta de energia elétrica, os venezuelanos queixam-se nas redes sociais de falta gás, de água e de falhas no abastecimento de gasolina.

O "apagão", cujos motivos ainda não foram oficialmente explicados, afetou os estados de Arágua, Carabobo, Falcón, Guárico, Lara, Portuguesa, Mérida, Miranda, Nueva Esparta, Táchira, Trujillo, Yaracuy, Zúlia e o Distrito Metropolitano, incluindo parte da cidade de Caracas.

Na cidade de Valência, Estado de Carabobo, o apagão ocorreu quando estava decorrida meia hora do popular jogo de basebol em que participavam as equipas Magallanes e Bravos, no estádio José Bernardo Pérez.

Em Caracas, o "apagão" afetou o serviço do Metropolitano, que encerrou várias estações.

A falha no abastecimento de energia elétrica também tem causado constrangimentos na circulação, pelo não funcionamento dos semáforos, e atrasado o regresso das pessoas às suas casas, após um dia de trabalho, num país onde é cada vez mais escasso o transporte de passageiros, muitas vezes substituído pelas "perreras" (viaturas usadas na detenção de animais) ou camiões de carga.

Em várias localidades está a ser reportada a impossibilidade de utilizar os telefones e a Internet.