Afeganistão

Atentado suicida no Afeganistão como vingança pelo vídeo de Maomé causa 12 mortos

Atentado suicida no Afeganistão como vingança pelo vídeo de Maomé causa 12 mortos

Um grupo militante islâmico reivindicou a autoria do atentado suicida ocorrido hoje perto do aeroporto internacional de Cabul, justificando-o como uma vingança pelo filme que ridiculariza o profeta Maomé, indicou um porta-voz.

O atentado causou a morte de 12 civis, incluindo nove estrangeiros, segundo o último balanço nas agências estrangeiras.

A autoria do ataque foi atribuída ao grupo designado Hezb-e-Islami liderado pelo antigo combatente Gulbuddin Hekmatyar, num correio electrónico enviado à Associated Press pelo porta-voz Haroon Zarghhon.

Segundo Haroon Zarghhon, o ataque foi levado a cabo por uma mulher de 22 anos chamada Fátima.

A polícia disse que ao amanhecer um bombista suicida fez colidir uma viatura carregada de explosivos com um mini bus que transportava trabalhadores estrangeiros de companhias de aviação para o aeroporto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG