O Jogo ao Vivo

Relatório

Avião caiu no Paquistão porque pilotos discutiam sobre o novo coronavírus

Avião caiu no Paquistão porque pilotos discutiam sobre o novo coronavírus

O acidente com o Airbus A320 da companhia aérea PIA, a 22 de maio, em Karachi, e que fez 98 mortos foi causado pela negligência dos pilotos, vítimas de "excesso de confiança" e pelos controladores aéreos.

O avião da Pakistan International Airlines que caiu sobre um bairro de Carachi, em 22 de maio, um dos primeiros depois da reabertura do espaço aéreo após o confinamento devido à pandemia de covid-19, caiu porque os pilotos estavam a discutir sobre o novo coronavírus e desligaram o piloto automático.

Numa aproximação errada à pista, danificaram os motores.

Morreram 98 pessoas, incluindo uma criança em terra.

As conclusões oficiais sobre o acidente foram comunicadas, esta quinta-feira, pelo ministro paquistanês da Aviação.

"Houve negligência de parte a parte", disse Ghulam Sarwar Khan que apresentou o primeiro relatório sobre o acidente no Parlamento.

"O piloto ignorou as instruções dos controladores aéreos que, por sua, vez não comunicaram os estragos" provocados pela primeira tentativa de aterragem do A320.

PUB

Outras Notícias