Incidente

Três mortos e mais de 150 feridos em avião que se partiu em três na Turquia

Três mortos e mais de 150 feridos em avião que se partiu em três na Turquia

Um avião derrapou na pista no aeroporto Sabiha Gokcen, em Istambul, na Turquia e partiu-se em três pedaços. Os passageiros foram retirados do avião e o último balanço aponta para três vítimas mortais e pelo menos 179 feridos.

O ministro da Saúde da Turquia, Fahretti Koca, indicou que 179 pessoas ficaram feridas, algumas em estado grave, mas nenhuma corre perigo de vida.

A pista do aeroporto estava escorregadia devido às fortes chuvas que têm caído na região.

De acordo com a informação da estação televisiva CNN-Turk, que filmou o acidente, os passageiros tiveram de ser retirados já que a fuselagem do aparelho ficou seriamente danificada e fraturada em vários pontos.

A fuselagem do avião, da empresa privada Pegasus, partiu-se e incendiou-se de imediato, quando o aparelho derrapou na aterragem e acabou por sair da pista.

No Boeing 737 da companhia turca Pegasus Airlines, que fazia a rota entre Izmir e Istambul, viajavam 177 passageiros e seis elementos da tripulação.

Já o ministro dos Tranportes da Turquia, Cahit Turhan, justificou que o avião teve uma "aterragem forçada", derrapou, quebrou-se em três pedaços e uma parte da fuselagem (camada exterior do avião) incendiou.

O foco de incêndio foi prontamente combatido pelos serviços de emergência e bombeiros. A pista do aeroporto estava escorregadia devido às fortes chuvas que caíram na cidade nos últimos dias, o que poderá ter provocado a aterragem brusca.

O aeroporto de Sabiha Gokcen está agora fechado à circulação, pelo que os voos estão a ser desviados para outros aeroportos de Istambul.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG