Mundo

Barack Obama prestou juramento numa curta cerimónia privada

Barack Obama prestou juramento numa curta cerimónia privada

O presidente norte-americano, Barack Obama, prestou, este domingo, juramento para um segundo mandato de quatro anos, depois de uma curta cerimónia privada que decorreu na Casa Branca.

"Eu, Barack Obama, juro solenemente cumprir fielmente as funções de presidente dos Estados Unidos e, por todos os meios ao meu alcance, salvaguardar, proteger e defender a Constituição", declarou o 44.º presidente norte-americano perante o presidente do Supremo Tribunal, John Roberts, eram 16.55 horas em Lisboa.

A cerimónia, a que assistiram apenas algumas pessoas, incluindo a família do presidente, durou apenas alguns segundos, com Obama a jurar com a mão esquerda sobre uma Bíblia que é herança de família da sua mulher, Michelle.

Nos Estados Unidos, os mandatos presidenciais começam ao meio-dia (17 horas em Lisboa) do dia 20 de janeiro a seguir à eleição presidencial. Contudo, quando este dia calha a um domingo, as cerimónias públicas de posse realizam-se na segunda-feira seguinte.

Na segunda-feira, Obama deverá discursar sobre o rumo que pretende para o país nos próximos quatro anos perante centenas de milhares de pessoas em frente ao Capitólio, em Washington.

As prioridades para o segundo mandato deverão ser a resolução do impasse orçamental, a restrição à venda de armas de fogo e a reforma das leis de imigração.

Obama começou o dia colocando uma coroa de flores no túmulo do soldado desconhecido no cemitério militar de Arlington, na Virginia, acompanhado pelo seu vice-presidente, Joe Biden, que prestou juramento em sua casa, eram 13.21 horas em Lisboa.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG