Reconhecimento

"Black Lives Matter" indicado para nomeação de Nobel da Paz

"Black Lives Matter" indicado para nomeação de Nobel da Paz

O movimento que nasceu nos Estados Unidos foi indicado para a nomeação do Prémio Nobel da Paz de 2021. O deputado socialista norueguês, que enviou a proposta do "Black Lives Matter" ao Comité, destaca a "grande conquista no aumento da consciência global e da consciência sobre a injustiça racial".

"Acho que um dos principais desafios que vimos na América, mas também na Europa e na Ásia, é o tipo de conflito crescente baseado na desigualdade", escreveu Petter Eide, deputado norueguês, citado pelo jornal "The Guardian". De acordo com o político, o "Black Lives Matter" ("As Vidas Negras Importam") conseguiu que os protestos contra o racismo e violência policial contra negros fossem disseminados além da América e um pouco por todo o mundo.

De facto, desde 2013, e após a morte do afro-americano George Floyd no ano passado, asfixiado por um agente da polícia, o movimento ganhou fôlego em vários países e levou milhares de pessoas às ruas. A contestação foi de tal forma global que "todos os grupos da sociedade" mobilizaram-se na luta contra a desigualdade social, algo que o deputado norueguês considera que "nunca foi feito".

"Black Lives Matter" foi criado há oito anos por Alicia Garza, Patrisse Cullors e Opal Tometi em protesto contra a morte de Trayvon Martin, de 17 anos, alvejado a tiro por George Zimmerman, um segurança que foi absolvido do caso de homicídio.

O movimento ganhou reconhecimento público nos EUA em 2014, mais uma vez, em manifestações contra a morte de dois afro-americanos, Michael Brown e Eric Garner. O protesto global do movimento foi notório em 2020, ano da pandemia, em sequência das mortes de George Floyd e Breonna Taylor.

PUB

As indicações para nomeações do Nobel da Paz podem ser submetidas por qualquer político a exercer um cargo nacional. Para tal, têm de escrever um texto com duas mil palavras, onde explicam as razões da escolha de determinada personalidade, instituição ou movimento. O prazo das submissões termina a 1 de fevereiro, depois o Comité do Nobel terá de reduzir a lista. O vencedor será escolhido em outubro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG