acidente

Guarda-redes do Santos sofre acidente de carro com vítima fatal

Guarda-redes do Santos sofre acidente de carro com vítima fatal

O guarda-redes Fábio Costa, do Santos, sofreu um grave acidente de carro na tarde de terça-feira, em Angra dos Reis, Rio de Janeiro, e está internado com ferimentos nos braços. O motorista que conduzia o veículo morreu no local.

Fábio Costa estava no banco de passageiro quando o carro conduzido pelo amigo Fernando da Mancha de Carvalho, de 32 anos, foi atingido de frente por um camião de carga.

O guarda-redes sofreu ferimentos nos braços e, ainda na tarde de terça-feira, passou por exames num hospital local. Fábio Costa deve submeter-se a novos exames quando chegar a Santos. Fernando Carvalho morreu no local do acidente.

"Segundo relatos do atleta, o automóvel estava quase chegando à cidade quando foi atingido de frente por um caminhão de carga. Este perdeu o controle, entrou na contramão da via e colidiu com o veículo", disse o empresário do atleta, Marcelo Goldfarb.

"O goleiro [guarda-redes] passa bem e está em um hospital da cidade carioca para cuidar de escoriações. O atleta terá o braço engessado por conta da pancada e do inchaço na musculatura, porém não houve fraturas", acrescentou.

O vice-presidente do Santos Futebol Clube, Odílio Rodrigues Filho, disse ao site Globoesporte que o estado de saúde do guarda-redes não é grave e que o emblema alvinegro prestará ao futebolista todo auxílio necessário.

"O Santos vai apresentar todo apoio e tomar as devidas providências. Ele está passando por uma avaliação médica. Felizmente, não é um caso grave o do Fábio. Há uma suspeita de luxação no braço. Estamos tratando com o representante dele da vinda do Fábio para Santos. Quando chegar, daremos todo apoio necessário", disse o dirigente.

Outras Notícias