Mundo

Defesa do consumidor lança protesto virtual contra lei do Mundial2014

Defesa do consumidor lança protesto virtual contra lei do Mundial2014

O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) lançou, esta segunda-feira, um protesto na rede social Twitter contra o que considera "abusos" da FIFA, na véspera da votação da Lei Geral da Copa (legislação sobre o Mundial de Futebol 2014).

Com a "hashtag" #fifabaixabola, internautas criticam a restrição de direitos sociais, especialmente de idosos e estudantes, com o apoio da Articulação Nacional dos Comités Populares da Copa (Ancop).

A Lei Geral da Copa, que determina diretrizes a serem colocadas em prática durante o Mundial de Futebol de 2014, deve ser votada terça-feira na Câmara dos Deputados Federais.

Um dos pontos mais polémicos do texto é a ausência da tarifa de meio-bilhete para estudantes, vetado pela FIFA, mas que se aplica a eventos no Brasil devido a legislações estaduais.