Mundo

Um morto e três feridos em confrontos entre claques de futebol em São Paulo

Um morto e três feridos em confrontos entre claques de futebol em São Paulo

Um adepto foi morto a tiro antes do jogo entre o Corinthians e o Palmeiras (2-1), em São Paulo, no domingo, partida a contar para o campeonato paulista de futebol.

André Alves, de 21 anos, sofreu um tiro na cabeça num conflito com cerca de 500 adeptos, tendo outros três ficado internados em estado grave, um deles foi operado depois de ser atingido na anca.

Testemunhas disseram que André Alves estava no grupo de adeptosv do Palmeiras e que sofreu uma emboscada por parte de apoiantes do Corinthians.

Os adeptos lutaram com barras de ferro, pedaços de madeira e pedras, sendo parados pela polícia com gás lacrimogéneo e balas de borracha. Foram detidas quatro pessoas, apesar de não estar apurado se seriam os autores dos disparos.

A polícia está a investigar relatos de que os confrontos foram combinados com antecedência nas redes sociais.

No ano passado, um adepto do Corinthians foi morto por apoiantes do Palmeiras antes de um jogo entre ambos.

Os confrontos entre adeptos são comuns no Brasil, principalmente nas grandes rivalidades de São Paulo e do Rio de Janeiro e já nesta semana as autoridades tinham proibido os adeptos de assistirem a jogos entre as duas equipas, depois da morte, na semana passada, de um adepto em confrontos entre apoiantes dos dois clubes.