Alemanha

Cadela apreendida e vendida no eBay para liquidar dívidas fiscais

Cadela apreendida e vendida no eBay para liquidar dívidas fiscais

Uma cadela de raça pug foi retirada a uma família, pelas autoridades da cidade alemã de Ahlen, e vendida de forma a liquidar dívidas fiscais. Os vendedores estão agora a ser processados pela nova dona do animal de estimação por descrição fraudulenta no eBay.

O animal de estimação de uma família alemã, um pug, foi apreendido pelas autoridades da cidade de Ahlen, em dezembro, de forma a cobrar dívidas fiscais, incluindo o imposto sobre a posse da cadela. Inicialmente, ia ser vendida a cadeira de rodas do pai da família, portador de deficiência motora, porém foi estabelecido que existia um bem mais valioso, a cadela Edda, que acabou por ser vendida no eBay.

O caso foi denunciado pela nova proprietária do pug, Manuela Jordan, uma polícia alemã, que comprou o animal no site de vendas online eBay, a 750 euros, metade do preço de mercado para esta raça. A denúncia foi feita porque a cliente se sentiu defraudada com o anúncio de uma "cadela saudável", que já a levou a gastar 1800 euros em despesas de saúde.

"Eu achava que o anúncio era falso", afirmou Manuela Jordan, citada pelo jornal Ahlener Tageblatt. Não era falso, mas a descrição de um pug saudável não correspondia à realidade.

A nova proprietária do animal de estimação alega que, desde que o pug foi vendido, em dezembro, foram necessárias quatro operações devido a problemas oftalmológicos, incluindo uma operação de emergência durante o Natal.

A antiga família do pug critica este processo, apesar da apreensão do animal de estimação ser legal. "A forma como tudo terminou não está correta", afirmou ao jornal alemão Ahlener Tageblatt.

"Eu sei agora que Edda está em boas mãos", disse a ex-proprietária, mas acrescentou que seus três filhos, com idades compreendidas entre os cinco e nove anos, sentem falta da cadela.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG