Animais

Cão de Macron "apela" à adoção responsável no Natal

Cão de Macron "apela" à adoção responsável no Natal

Nemo, o cão de Emmanuel Macron, apela aos franceses para uma adoção mais consciente dos animais de estimação, especialmente durante o Natal. O vídeo foi divulgado na página oficial do Facebook do presidente.

O vídeo com Nemo, o cão de Emmanuel Macron, pretende incentivar a adoção, mas sempre de forma consciente, mesmo na época natalícia. A sensibilização para não abandonar os animais de estimação tem sido debatida em todo o mundo.

PUB

O Labrador-Griffon aparece sentado de olhos postos na câmara com legendas, de forma a nos envolver num diálogo com ele. "A minha história começou com o abandono... como eu, 100 mil animais são abandonados todos os anos", começa por dizer.

Ao longo do vídeo, o cão "apela" a uma adoção responsável e relembra que os animais de estimação também são parte da família e dependem dos donos.

Nemo apareceu pela primeira vez ao lado de Macron em 2017, continuando assim a tradição de cada presidente ter o "primeiro cãozinho". O animal foi adquirido a um centro de resgate de animais em Hermeray, na periferia de Paris, por 250€, relata a BBC.

O vídeo serve como uma campanha de consciencialização, mas também para anunciar que em janeiro, o Parlamento francês vai debater um novo projeto-lei sobre a adoção de animais de estimação, na tentativa de combater a crueldade e o abandono.

Este projeto prevê o uso de 20 milhões de euros para melhorar os centros de resgate, bem como punições mais severas para quem maltrata os animais. O documento estima que os donos tenham um "certificado de sensibilização", com diretrizes para cuidar bem dos seus companheiros de quatro patas. Se a lei for aprovada, ainda será disponibilizado às famílias mais carenciadas um subsídio para as despesas do veterinário.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG