Legislativas

Centro-direita pode voltar a formar governo na Islândia

Centro-direita pode voltar a formar governo na Islândia

O Partido da Independência foi o mais votado nas eleições de sábado na Islândia, com 29% das preferências dos 195200 votantes (participação de 79,2%) e 21 deputados (entre 63) - mais dois do que na legislatura cessante - , mas tem de negociar apoios para formar governo.

Segundo os resultados finais, os partidos da oposição não conseguem formar a aliança pós eleitoral para serem alternativa à coligação de centro-direita entre os "independentes" e o Partido Progressista, apesar de este ter sido fortemente castigado, descendo de 19 para oito deputados, mas os dois com o novo Partido do Renascimento (cisão dos progressistas), com 7 eleitos, somam 36 deputados.

Em segundo lugar, ficou o Movimento Esquerda Verde (15,9% e dez deputados, mais três ), seguindo-se o Partido Pirata (14,5% e dez eleitos, mais sete). O Futuro Brilhante desce de seis para quatro deputados e a Aliança Social Democrata perde seis para três. Todos asseguram 27 lugares. v

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG