Mundo

Cientistas criam piza que aguenta três anos fora do frio

Cientistas criam piza que aguenta três anos fora do frio

Uma equipa de cientistas do Laboratório Militar de Massachusetts, nos EUA, criou uma piza que pode ser armazenada durante três anos, fora do frigorífico ou congelador e sem perder nenhuma das suas propriedades. O projeto, conhecido pela designação "piza eterna", foi realizado com o objetivo de diversificar o menu dos soldados norte-americanos, já que se trata de um dos seus pratos favoritos.

Para que a piza aguente tanto tempo, sem necessidade de ser mantida no frio, foram utilizados ingredientes conhecidos por hidratantes - açúcar, sal e xaropes - que hidratam, mas impedem que a água passe para a massa, evitando o aparecimento de bolor e outras bactérias. Além do mais, juntou-se ferro à embalagem de forma a absorver o ar existente dentro da mesma.

Até agora, os esforços científicos dos últimos anos tinham fracassado pelo facto de a humidade no molho de tomate, no queijo e noutros alimentos incluídos na piza converterem a massa numa substância pastosa com condições adequadas ao desenvolvimento de bactérias.

Para já, foram poucas as pessoas que puderam provar este novo tipo de piza, já que ainda se trata de um protótipo. Contudo, os que já o fizeram dizem que o sabor é muito semelhante ao da piza comum.